Feeds:
Posts
Comentários

Archive for maio \27\UTC 2010

Na última terça-feira (25/05) os estudantes que fazem parte do Projovem Adolescente visitaram o cemitério São José, no centro da cidade – o primeiro cemitério da região.

IMG_0002 Cemitério São José

O grupo foi dividido em dois, um que visitou o local durante o dia e outro durante a noite, sendo acompanhados pelas orientadoras sociais Célia Andrade, Maria de Jesus e Socorrinha, e pelo condutor de visitantes Robson Miguel.

Na ocasião viram os túmulos mais antigos, com estilos diversos, muitos dos quais datam do século XIX. Além disso, conheceram a história do lugar, que é contada pelos mais velhos e dá conta que o local teve início em uma data que se perdeu no tempo, quando um casal de escravos, na fazenda Pimenta, hoje município de Juazeiro do Piauí, assassinou sua proprietária, tendo sido condenados à forca, o negro levado à Vila da Mocha, capital da província do Piauí, enquanto a negra teria sido enforcada em praça pública e enterrada no local que mais tarde viria a se tornar o cemitério São José.

IMG_0007 Adolescentes coletando informações nos epitáfios mais antigos, observados pela orientadora social Célia Andrade

Há algum tempo o vereador Júnior do Zezé (PTB) apresentou projeto de lei para que sejam recuperados os jazigos mais antigos, por entender que estes integram o patrimônio histórico do município. Atualmente a prefeitura não permite mais que se realizem novos sepultamentos, com exceção das famílias que contam com túmulos no formato gavetas.

Os adolescentes do Projovem farão relatório sobre a situação do cemitério, com sugestões e suas impressões sobre o local.

 

MAIS FOTOS:

IMG_0006Cruzeiro na entrada do cemitério 

 

IMG_0010

 

IMG_0011

 

IMG_0017

Condutor Robson Miguel falando sobre o local

IMG_0021

 

IMG_0029

 

IMG_0033

 

IMG_0036

 

IMG_0038

 

IMG_0040

 

IMG_0045

 

IMG_0060

Read Full Post »

 

No último sábado (22/05) os integrantes do Projovem Adolescente de Castelo do Piauí, acompanhados das orientadoras sociais Célia Andrade, Maria de Jesus e Socorrinha, e dos condutores de visitantes Robson Miguel e Naldo Oliveira, visitaram o monumento erguido em homenagem aos heróis que lutaram na batalha do Jenipapo no dia 13 de março de 1823, bem como o Museu do Zé Didor, ambos no município de Campo Maior.

Após café da manhã na sede do Projovem Adolescente, teve início a programação cultural, com primeira parada no monumento da Batalha do Jenipapo, onde todos ouviram atentamente o coordenador do lugar, professor Mauro, que narrou em detalhes o contexto histórico em que aconteceu esta que foi a única batalha sangrenta em prol da independência do Brasil. O monumento conta também com um museu onde estão expostas peças usadas na época, como baionetas, fuzis e canhões usados pelas tropas portuguesas lideradas pelo Brigadeiro João José da Cunha Fidié; espingardas de caça, facões e foices usadas pelos piauienses; além de utensílios presentes no cotidiano de vaqueiros e homens do campo, usados até os dias de hoje.

IMG_0010 Armas usadas pelas tropas portuguesas lideradas por Fidié

IMG_0032

Canhões que totalizavam 11 peças de artilharia nas tropas de Fidié

IMG_0026

Piauienses usavam facões e foices, como a da foto acima

Em seguida houve a visita à Fundação Cardoso Neto, ou Museu do Zé Didor, como é mais conhecido um dos maiores museus particulares do mundo, com mais de 70 mil peças pertencentes a seu acervo. Zé Didor é irmão do Tito, proprietário de outro museu particular, o Museu do Tito, situado em Castelo do Piauí.

O Museu do Zé Didor já foi tema de várias reportagens em todo território nacional. Foi exibido várias vezes no quadro “Me leva Brasil”, exibido no programa Fantástico, na Rede Globo, tendo à sua frente o repórter Maurício Kubrusle e mais recentemente foi tema de uma revista de bordo distribuída nos aviões da Gol Linhas Aéreas, sem falar das emissoras locais.

IMG_0161 Adolescentes do Projovem assinando lista de presença do Museu

IMG_0170

Zé Didor exibindo um bacamarte disparado por pavio, usado na província do Piaui durante o período colonial

IMG_0165

Zé Didor usando arma usada na Batalha do Jenipapo para apontar certificado de autenticidade para suas armas expedido pelo Exército Brasileiro

Enquanto mostrava seu acervo ao grupo, Zé Didor falava que há muito tempo reivindica um espaço maior para expor todas as peças, já que atualmente, por questões de segurança, guarda as de maior valor histórico em sua residência, temendo a ação de ladrões.

 

MAIS FOTOS:

IMG_0004

Ainda no monumento à Batalha do Jenipapo 

IMG_0009

Adolescentes e orientadoras sociais do Projovem

IMG_0033

Cena da batalha retratada em uma tela no museu do monumento

IMG_0065

Foto oficial com todos os adolescentes e orientadoras sociais do Projovem

IMG_0087

  Naldo Oliveira (Condutor), Prof. Mauro (Coordenador do Monumento, camisa preta); Célia Andrade, Maria de Jesus e Socorrinha (Orientadoras Sociais do Projovem Adolescente)

IMG_0094

Durante explanação histórica feita pelo professor Mauro

IMG_0142 

Quadro no Museu do Zé Didor retratando Batalha do Jenipapo

 

IMG_0151

Registro fotográfico de Zé Didor durante sua entrevista ao global Maurício Kubrusle

IMG_0201

Adolescentes e Orientadoras Sociais do Projovem reunidos com Zé Didor (camisa vermelha) em seu museu

Read Full Post »

Durante os dias 14 a 18 de maio do corrente ano, os membros da Associação dos Artesãos de Castelo – AACP, bem como outras pessoas interessadas, participaram do curso “Entalhe em Madeira” que foi ministrado pelo artesão piauiense Raimundo Ferreira Lima, popularmente conhecido como Mestre Dim, que aprendeu o ofício diretamente de Mestre Dezinho. O instrutor é especialista em arte santeira, tanto entalhada como esculpida em madeira ou pedra, já tendo inclusive viajado para os Estados Unidos para repassar a técnica aos americanos.

O curso foi trazido pelo SEBRAE/PI com o apoio da Secretaria Municipal de Assistência Social, com a finalidade de desenvolver ainda mais o artesanato castelense, que atualmente trabalha principalmente o couro, tendo a possibilidade de incluir a produção de peças entalhadas em madeira de agora em diante.

Os alunos do Mestre Dim produziram peças entalhadas retratando os diversos atrativos turísticos de Castelo, bem como pinturas rupestres da localidade Picos dos André. O curso terá uma segunda etapa, onde os artesãos aprimorarão a técnica.

Veja fotos:

entalhe (51) Mestre Dim e seu auxiliar Xexéu, ao lado dos alunos

entalhe (59)

Mestre Dim expondo trabalho de seus alunos, durante encerramento do curso

colagem entalhe

 

entalhe (20)

 

entalhe (63) Mestre Dim, equipe da Assistência Social e alunos do curso, posando ao lado das peças entalhadas

Read Full Post »

No último domingo (16/05) foi a vez de alunos e professores do colégio Anglo Diferencial, da cidade de Teresina, visitarem Castelo. Trazidos pelos professores Wilson, Pitágoras e Flávio, os alunos do 3º ano percorreram a Pedra do Castelo e a fábrica da Cachaça Mangueira, sendo conduzidos pelos condutores credenciados pela Condatur, Robson Miguel, Augusto Júnior e Naldo Oliveira.

Após o almoço o grupo teresinense se dirigiu à cidade de Campo Maior, onde visitariam o monumento erigido em homenagem aos heróis que lutaram na Batalha do Jenipapo.

Veja fotos:

IMG_0014Condutores Naldo Oliveira e Augusto Júnior acompanhando o grupo por caminhada de 300 m até a Pedra do Castelo 

 

IMG_0017 Alunos chegando à Pedra do Castelo

IMG_0107

A foto em frente à gruta não pode faltar

IMG_0062

Cruzeiro colocado pela família Monteiro na década de 50 do séc. XX no topo da Pedra

IMG_0103

Entrada principal

IMG_0120

Portal de entrada da cidade

IMG_0128

Chegada à fábrica da Cachaça Mangueira

IMG_0159

Célio Matos (ao fundo) da Mangueira, mostrando tonéis onde a cachaça é envelhecida

IMG_0166

Setor de engarrafamento e armazenamento, onde os visitantes podem adquirir o produto

IMG_0187

A visitação foi encerrada com o almoço na Zilda Buffet

Vídeo dos alunos no setor dos tonéis de envelhecimento

Read Full Post »

Na última terça-feira (11/05), Robson Miguel, presidente da Associação dos Condutores de Turistas e Visitantes de Castelo – CONDATUR, proferiu palestra aos jovens participantes do programa Projovem Adolescente, que é vinculado à Secretaria Municipal de Assistência Social.

IMG_0011.jpg

Na ocasião, Robson Miguel falou sobre o profissional Guia de Turismo – que tem seu dia comemorado no dia 10 de maio – e suas modalidades – Regional, Nacional e Internacional. Abordou também a importância do Condutor de Visitantes para os roteiros turísticos. “O condutor conhece a realidade do seu município, portanto se constitui peça fundamental para o sucesso de qualquer roteiro turístico, mas ainda não tem sua importância reconhecida” – destacou ele.

Jovens que participam do Projovem Adolescente nos turnos manhã, tarde e noite participaram, esclareceram dúvidas principalmente no que diz respeito aos condutores, e muitos manifestaram interesse em se torna um.

 

IMG_0006

IMG_0016

IMG_0002

Read Full Post »

Castelo do Piauí e mais cinco municípios piauienses – Teresina, Campo Maior, José de Freitas, União e Altos – integrarão novo roteiro turístico que será lançado no próximo dia 20 de maio no auditório do SEBRAE em Teresina, e dia 25 do mesmo mês em São Paulo, durante a realização do Piauí Sampa.

CONVITE LANÇAMENTO ROTEIRO ENTRE RIOS-06.05.10

O roteiro turístico que recebeu o nome de “Caminhos Entre Rios” contempla os seis municípios da região norte que já estão com o turismo consolidado e partem agora para uma divulgação a nível nacional e internacional. Também fará parte do roteiro o inigualável cânion do rio Poti, que abrange vários municípios, porém, tem seu trecho mais visitado situado em Buriti dos Montes. Todas as cidades que integrarão este projeto tem algo em comum, estão situadas entre os rios Parnaíba e Poti, daí a origem do nome.

Uma agência de publicidade com grande destaque em nosso Estado foi contratada pelo SEBRAE/PI para fazer um vídeo onde aparecem atrativos de todas as cidades envolvidas. A equipe constituída por Andrade (Diretor), Edileusa (Produtora), Borroso (Iluminador), Dênis e Rangel (motoristas), esteve em Castelo no último final de semana (07 e 08/05) acompanhados dos modelos Pammela e Joaquim gravando em vários locais com a participação de figurantes castelenses, como as estudantes Janielly, Janaína, Claudia e Fernanda; as professoras Gilselena e Gizelda, além do pequeno Paulo Cesar e dos condutores Robson Miguel, Augusto Júnior e Carlos Henrique. A Prefeitura Municipal e Associação dos Condutores de Turistas e Visitantes – CONDATUR deram o apoio necessário.

Equipe de produção ao lado da empresária Meire, proprietária do restaurante usado para gravações

A Pedra do Castelo com suas lendas, o Mirante das Arraias com uma linda vista de todo o vale do Poti e os Picos dos André com sítios arqueológicos variados foram os atrativos naturais filmados. Na sede municipal a Igreja Matriz de Nossa Senhora do Desterro, centro histórico, Museu do Tito e portal de entrada da cidade, Meire Restaurante e Pizzaria, além da fábrica da Cachaça Mangueira também foram usados como locação para as gravações. Na segunda-feira (17/05) serão feitas as gravações no cânion do rio Poti.

IMG_0023 Condutores e produção reunidos na Pedra do Castelo

IMG_0074

Modelos Pammela e Joaquim sendo filmados nos Picos dos André pelo diretor Andrade, da S/A Propaganda

IMG_0007

Mirante das Arraias

Todos estão convidados, especialmente os castelenses a se fazerem presentes no auditório do SEBRAE/PI, no próximo dia 20 de maio, a partir das 8 horas para participarem de café da manhã com presença de autoridades de todos os municípios participantes, bem como de autoridades estaduais, para o lançamento do roteiro turístico Caminhos Entre Rios.

MAIS FOTOS:

Sr. Tito, Condutores Carlos Henrique e Augusto Júnior com profissionais da publicidade no Museu do Tito

Praça Getúlio Vargas, durante gravação no Centro Histórico e Igreja Matriz de Nossa Senhora do Desterro

Equipe reunida na parte de cima da Pedra do Castelo

Modelos Pammela e Joaquim

 

IMG_0002

Trila de acesso ao Mirante das Arraias, com belíssimas formações rochosas

IMG_0008

Mirante das Arraias

IMG_0012

Ainda no Mirante das Arraias

IMG_0017

Mirante das Arraias

IMG_0019

Portal de entrada da cidade, parada obrigatória para fotos

IMG_0030

Robson Miguel, Presidente da CONDATUR, acertando os detalhes

IMG_0047

Interior da Pedra do Castelo, após gravações

picos dos andre

Formações rochosas dos Picos dos André

picos dos andre-casa carlos

Final dos trabalhos, na casa do condutor Carlos Henrique, nos Picos dos André

Read Full Post »

No último sábado (01/05), Castelo recebeu a visita de alunos da 2ª Turma de Agente Ambiental do Centro Tecnológico de Capacitação do Maranhão (CETECMA), da cidade de Caxias-MA, que vieram em aula passeio da disciplina Elementos de Geologia, que tem o professor Humberto como titular.

Ainda na tarde de sábado os estudantes, sempre acompanhados por condutores filiados à Associação dos Condutores de Turistas e Visitantes de Castelo – CONDATUR, visitaram a fábrica da cachaça Mangueira, onde conheceram todos as fases da fabricação da cachaça, desde a chegada da cana-de-açúcar, passando pela moagem, fermentação, destilação, armazenagem em enormes barris com capacidade para 85 mil litros cada um, e finalmente engarrafamento.

O próximo atrativo visitado foi a localidade Picos dos André, com sítios arqueológicos como o Ninho do Urubu, que encantam pelo estado de conservação e pela policromia, que é a variedade de cores, muitas delas raríssimas.

O domingo ficou reservado para o principal cartão postal castelense, a Pedra do Castelo, cuja história confunde-se com a própria história de nossa cidade. Desde o ano de 2007 o local foi transformado em Parque Natural Municipal da Pedra do Castelo, com área de aproximadamente 260 hectares que abrande desde a Pedra do Castelo até a margem do rio Poti, passando pelo Mirante das Arraias e Cachoeira das Arraias, estando este último atrativo também no roteiro do alegre grupo de discentes.

_MG_0061

Turistas e condutores em frente à Pedra do Castelo

_MG_0078

Banho na cachoeira das Arraias

Após o almoço, os visitantes conheceram a sede da Associação dos Artesãos de Castelo – AACP, e adquiriram pelas de nosso artesanato, como camisetas pintadas a mão com representações de inscrições rupestres da cidade, peças em couro, dentre muitas outras.

_MG_0121 Estudantes conhecendo artesanato castelense

Segundo o professor Humberto, Castelo foi escolhido como destino do grupo, após pesquisa na internet por atrativos turísticos viáveis e ainda pouco conhecidos. Após rápida pesquisa no google, encontraram os sites que criamos e atualizamos semanalmente, uma prova da força da internet na divulgação do turismo castelense. Só nos resta torcer para que todos tenham gostado do final de semana, e que mesmo com alguns contratempos, não tenha perdido o brilho.

 

MAIS FOTOS:

_MG_0008

Condutor Igor Rafael e turistas chegando à Pedra do Castelo

_MG_0017

Vista da Pedra do Castelo

_MG_0028

Grupo reunido no interior da gruta

_MG_0034

Parte de cima da Pedra

_MG_0041

O cruzeiro é dos locais preferidos para fotografias

_MG_0048

Prof. Humberto e alunos chegando no Salão dos Anjos

_MG_0063

Trilha de 20 minutos até a Cachoeira das Arraias

_MG_0064

Beleza cênica na margem do rio Poti, vista a partir da trilha da cachoeira

_MG_0099

Turistas fotografando no portal de entrada da cidade

Read Full Post »