Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘Cachoeira das Arraias’

No último sábado (02/04), Castelo recebeu o maior grupo de visitantes do ano até o momento. Trata-se do Colégio Integrado Santo André, pertencente à rede particular de ensino de Teresina, que trouxe um grupo constituído por 87 alunos e professores para participarem de aula passeio em nossos atrativos turísticos.

colegio_integrado_stº_andre6

Alunos e professores chegando ao Parque Natural Municipal da Pedra do Castelo

Ao chegarem ao Parque Natural Municipal da Pedra do Castelo, foram recebidos por sete condutores (guias locais) associados à Condatur, que foram os responsáveis pelo roteiro dos estudantes. Na parte da manhã, conheceram a Pedra do Castelo, suas lendas e sua história. O condutor Augusto Júnior, vice-presidente da Associação dos Condutores de Turistas e Visitantes de Castelo – Condatur, que também é professor de geografia, fez uma introdução à guisa de esclarecimento sobre a importância histórica de Castelo do Piauí no contexto estadual, tendo sido a sexta vila fundada na então província do Piauí, em 13 de setembro de 1762, com o nome de Vila de Marvão, inclusive com marvanenses participando da Batalha do Jenipapo, a única batalha sangrenta em prol da independência do Brasil. Além disso explanou aos visitantes, sobre o potencial que o município possui, com várias modalidades turísticas que já são trabalhadas e outras que estão sendo implantadas.

colegio_integrado_stº_andre7

Augusto Júnior durante conversa com o grupo

Em seguida, fizeram um trekking de aproximadamente 1 km até a Cachoeira das Arraias, que devido ao período chuvoso, está com sua queda d’água com volume considerável, favorecendo um banho agradabilíssimo em suas águas, renovando as energias de todos para o restante do roteiro.

colegio_integrado_stº_andre24

Banho na Cachoeira das Arraias

O almoço foi servido no Meire Restaurante e Pizzaria e na parte da tarde o grupo conheceu a fábrica da Cachaça Mangueira, com toda sua produção desde a chegada da cana-de-açúcar, passando pela moagem, fermentação, destilação, armazenamento em gigantescos barris com capacidade para 85 mil litros e finalmente o engarrafamento e estocagem da cachaça, que atualmente produz outros sabores como tuti frut, guaraná e limão, além de outros que estão sendo estudadas no laboratório da empresa.

colegio_integrado_stº_andre28

Visita ao pátio da Cachaça Mangueira

Já na localidade Picos dos André e guiados pelo condutor Carlos Henrique, morador local, conheceram a variedade de sítios arqueológicos do complexo Ninho do Urubu, com várias cavernas e imensos painéis repletos de arte rupestre em várias tonalidades, como o preto, amarelo, vermelho e branco, caracterizando a policromia. Pra não fugir à regra, ao final da visita na localidade, Carlos Henrique, profundo conhecedor da rotina do homem do campo, fez demonstrações de várias armadilhas usadas por seus antepassados para caçar animais silvestres e garantir a subsistência da família. Hoje as armadilhas se prestam apenas para demonstrações a grupos como este.

O roteiro foi finalizado no portal de entrada da cidade, cujas linhas arquitetônicas foram idealizadas pelo castelense e designer gráfico Juscelino Reis, que devido à imponência e beleza do monumento, hoje constitui-se em parada obrigatória para todo aquele que vier a Castelo do Piauí. Os condutores responsáveis pelo roteiro foram Naldo, James, Júnior, Gizelda, Carlos Henrique, Jair e Igor Rafael.

colegio_integrado_stº_andre4

Condutores responsáveis pelo roteiro do grupo

Veja mais fotos:

colegio_integrado_stº_andre12

Principal acesso ao interior da Pedra do Castelo

colegio_integrado_stº_andre14

Augusto Júnior falando sobre os vestígios arqueológicos locais

colegio_integrado_stº_andre19

Interior da Pedra do Castelo, onde antes as pessoas eram enterradas

colegio_integrado_stº_andre21

Parte superior da Pedra do Castelo

colegio_integrado_stº_andre25

Almoço no Meire Restaurante e Pizzaria

colegio_integrado_stº_andre3

Visita ao portal de entrada da cidade, finalizando a visita

colegio_integrado_stº_andre2

Painel com pinturas rupestres no Ninho do Urubu

colegio_integrado_stº_andre1

Passarelas nos sítios arqueológicos dos Picos dos André

 

colegio_integrado_stº_andre5

Ônibus usados pelo grupo

colegio_integrado_stº_andre13

Condutores Igor Rafael e Augusto Junior na entrada da Pedra do Castelo

colegio_integrado_stº_andre17

Estampa das camisetas usadas pelos estudantes, destacando atrativos de Castelo

colegio_integrado_stº_andre15

Local no interior da gruta usados pelos fiéis para depositarem os ex-votos dedicados a Nossa Senhora do Desterro

colegio_integrado_stº_andre20

Parte superior da Pedra do Castelo, próximo à clarabóia principal

colegio_integrado_stº_andre18

Carlinos, vigilante do Parque da Pedra do Castelo e condutor associado à Condatur

colegio_integrado_stº_andre16

Novamente no interior da Pedra do Castelo

Anúncios

Read Full Post »

No último sábado (12/02) o antropólogo Clodson dos Santos e a enfermeira Helen Freitas, ambos de São Raimundo Nonato, estiveram percorrendo os atrativos turísticos castelenses.

O percurso foi feito em motos de aluguel, uma opção para quem deseja estar mais em contato com a natureza, e o casal foi acompanhado pelo condutor Robson Miguel, presidente da Associação dos Condutores de Turistas e Visitantes de Castelo – Condatur, e pelo moto-taxi Soares.

O roteiro escolhido contemplou na parte da manhã o Parque Natural Municipal da Pedra do Castelo, o Mirante das Arraias e Cachoeira das Arraias, que mesmo a esta altura do período chuvoso ainda sem queda d’água, propiciou um banho relaxante em um dos vários olhos d’água que brotam da rocha em forma de bica. O período da tarde foi reservado para o cânion do rio São Miguel, na localidade Buritizinho, também uma ótima opção, já que além das formações rochosas intrigantes que formam o pequeno cânion, o local dispõe de uma barragem que proporciona um banho na medida certa para renovar as energias no final da tarde.

antropologo_castelo8

Pedra do Castelo

antropologo_castelo3

Rio São Miguel, localidade Buritizinho

antropologo_castelo2

Cânion do rio São Miguel

Read Full Post »

No último domingo (23/01), os membros do Projeto Rondon que estão em Castelo desde o dia último dia 16 de janeiro, conheceram o Parque Natural Municipal Pedra do Castelo, acompanhados pelos condutores Augusto Júnior, Paulo Clímaco, Naldo Oliveira, Carlos Henrique, Iandra Lima e James Alves, todos membros da Associação dos Condutores de Turistas e Visitantes de Castelo – Condatur.

rondon_pedra_do_castelo4

Condutor Paulo Clímaco com rondonistas chegando à Pedra do Castelo

 

Na Pedra do Castelo os rondonistas conheceram, além das lendas que permeiam o local, a história de Castelo do Piauí, desde quando era uma fazenda de gado, passando por Marvão e chegando à atualidade. Além disso, durante o percurso tomaram conhecimento das modalidades de turismo que são exploradas em todo o município, como turismo religioso, ecoturismo turismo arqueológico e de aventura (rapel, tirolesa, etc), isso pra não falar das diversas escolas e faculdades de todo o Estado que realizam aulas passeio nos atrativos castelenses. Outro ponto que chamou a atenção de todos, foi o grande número de inscrições rupestres (pinturas e gravuras) encontradas nas paredes do castelo rochoso.

rondon_pedra_do_castelo10

Parte do grupo reunido em frente à Pedra do Castelo

 

Em seguida o grupo fez um pequeno trekking até a Cachoeira das Arraias, onde aproveitaram para renovar as energias na piscina natural formada pelas águas do riacho da Palmeira, que após passar ao lado da Pedra do Castelo, forma duas quedas d’água de aproximadamente 20 metros de altura cada.

A segunda parte da programação, que seria a visita aos sítios arqueológicos da localidade Picos dos André, foi cancelada devido às fortes chuvas que caíram durante toda a tarde.

O grupo de rondonistas que está em Castelo é composto por acadêmicos de vários cursos diferentes, bem como profissionais de várias áreas, todos oriundos dos Estados de Minas Gerais e São Paulo.

 

Veja mais fotos:

rondon_pedra_do_castelo5

rondon_pedra_do_castelo6

rondon_pedra_do_castelo7

rondon_pedra_do_castelo8

rondon_pedra_do_castelo9

rondon_pedra_do_castelo11

rondon_pedra_do_castelo12

rondon_pedra_do_castelo13

rondon_pedra_do_castelo15

rondon_pedra_do_castelo1

Read Full Post »

Um grupo formado por acadêmicos do curso de História da Universidade Estadual do Piauí – UESPI, campus de Campo Maior, esteve em Castelo no feriado de 21 de abril, onde além de visitarem a Pedra do Castelo e Cachoeira das Arraias, fizeram rapel neste último atrativo turístico.

O instrutor Thiago Regys, que pertence ao Grupo dos Desbravadores de Campo Maior foi o responsável pela segurança de todos os praticantes desse esporte de aventura. A professora universitária Claudia Oliva foi a responsável pela vinda dos estudantes a Castelo, que foram acompanhados pelos condutores Igor Rafael, Carlinos (vigilante do Parque Natural Municipal Pedra do Castelo) e Jair Silva, que além de condutor, é integrante da animada turma de estudantes.

Comentem a vontade!

 

rapel (14)  Condutores Jair Silva, Igor Rafael e Carlinos, em frente à Pedra do Castelo

rapel (16)

Acadêmicos no interior da Pedra do Castelo

rapel (2)

Ainda no interior da Pedra do Castelo

rapel (18)

O teto da Pedra do Castelo proporcionou uma vista panorâmica de todo o Parque

rapel (4)

Atravessando o Riacho da Palmeira, na trilha para Cachoeira das Arraias

rapel (9)

Cachoeira das Arraias, com sua queda exuberante nesta época do ano

rapel (13)

Estudante praticando rapel em paredão ao lado da Cachoeira das Arraias

Read Full Post »

Durante todo o dia de sexta-feira (16/10), alunos e professores do Ensino Médio da vizinha cidade de Assunção do Piauí estiveram em Castelo visitando vários atrativos, como Parque Municipal Pedra do Castelo, Cachoeira das Arraias, sede da Associação dos Artesãos – AACP e fábrica da Cachaça Mangueira.

O grupo estava sob a responsabilidade da professora Cleomar Pereira, de Geografia, sendo conduzido por Naldo Oliveira e James Rodrigues, ambos membros ativos da Condatur.

Veja fotos abaixo:

 

assuncao_pi21 Alunos no interior da Pedra do Castelo

 

assuncao_pi18 Alunos no interior da Pedra do Castelo II

assuncao_pi46

Pedra Furada na lateral da Pedra do Castelo

assuncao_pi53

Trilha para Cachoeira das Arraias

assuncao_pi68 Vista do rio Poti a partir da trilha para cachoeira

 

assuncao_pi71

Banho na Cachoeira das Arraias

assuncao_pi82

Portal de entrada da cidade

 

assuncao_pi99

Armazenamento de cachaça na fábrica da Cachaça Mangueira

 

assuncao_pi88

Alunos reunidos no pátio da fábrica da Cachaça Mangueira

Read Full Post »

Na sexta-feira (05), os condutores Jair Silva e Augusto Júnior conduziram um grupo de acadêmicos do curso de Licenciatura Plena em Biologia da cidade de Campo Maior-PI, que vieram participar de aula passeio da disciplina Biogeografia, com o objetivo de conhecer a vegetação do Parque Natural Municipal da Pedra do Castelo, já que este se encontra em uma área de transição entre a caatinga e o cerrado. Do tupi-guarani, a palavra caatinga, significa mata branca, pois durante a estação seca, suas árvores perdem as folhas para evitar a transpiração.

SDC13350 Acadêmicos no topo da Pedra do Castelo

Como não poderia ser diferente em época de chuvas, a Cachoeira das Arraias também foi visitada, apesar de suas trilhas estarem bastante fechadas pelo mato.

SDC13353 Passando por riacho na trilha da Cachoeira das Arraias

SDC13357

Cachoeira das Arraias

Outros pontos visitados foram o Museu do Tito e os sítios arqueológicos da localidade Picos, sendo que neste último puderam trocar experiências com o condutor e morador local, Carlos Henrique, detentor de um vasto conhecimento sobre a fauna e a flora, adquirido em sua labuta diária no campo.

SDC13384 Durante visita ao Museu do Tito

SDC13382

Na localidade Picos, em pose para foto oficial

A professora Mara Ranel, que já conhecia nossos atrativos turísticos, optou por trazer seus alunos a Castelo, por ser este local ideal para conhecerem na prática o que já haviam conhecido na sala de aula.

O resultado foi bastante proveitoso, pois além de cumprirem sua responsabilidade de acadêmicos de Biologia, aproveitaram fazer turismo. Foram convidados a retornar no Cachaça Fest, assim como todos os nossos visitantes, que acontecerá de 24 a 27 de julho próximos.

 

MAIS FOTOS:

SDC13363

Ouvindo atentamente explicações do condutor Carlos Henrique, nativo do local 

 

SDC13369

Sítio Arqueológico da Pedra Furada dos Picos

SDC13386

Alunas em momentos de descontração, se preparando para voltar a Campo Maior

Read Full Post »

Um novo atrativo turístico foi recentemente descoberto e recebe centenas de pessoas a cada semana. Trata-se de uma cachoeira situada próximo à localidade Cipó, a 4 km da sede do município de Castelo, que surgiu devido às fortes chuvas ocorridas principalmente nos meses de abril e maio, que fizeram surgir no local várias corredeiras e conseqüentemente pequenas cachoeiras.

cachoeira_da_vaca_2

Queda d’água da Cachoeira da Vaca

A Cachoeira da Vaca é de pequeno porte, com aproximadamente 4 metros de altura, proporcionando um banho agradável àquele que se aventurar. Mesmo com a presença de uma placa pedindo a preservação do local, já se percebe facilmente o lixo deixado pelos banhistas, principalmente garrafas descartáveis e latas. Este tipo de atitude é observado principalmente em locais de fácil acesso, como este.

cachoeira_vaca_lixo

Lixo deixado por mal educados

cachoeira_da_vaca_placa

Placa pedindo preservação, é usada por vândalos na prática do tiro ao alvo

Quem quiser conhecer a nova cachoeira, deve se apressar, pois com o término do período chuvoso, teremos que aguardar até o ano que vem. Não custa nada ressaltar a importância de manter limpo o local, trazendo de volta o lixo produzido durante a visita.

cachoeira_vaca_corredeira

Correntezas do riacho da Vaca

cachoeira_da_vaca._junior

Condutor responsável pelas imagens

 

Colaboração: Augusto Júnior (Vice-presidente da CONDATUR)

Read Full Post »